Jandaia Caetano/Semcos –

Emocionante, impactante e resolutivo. Quatro sobrinhos, de João Pessoa (Pb), entraram em contato com o Governo de Mundo Novo após a publicação de um vídeo do sr. Antônio Amaro da Silva, que com 88 anos procurava a família para ter um final de vida digno e perto dos seus parênteses.

O vídeo foi realizado na manhã desta quinta-feira (06) em frente à prefeitura de Mundo Novo. O senhor Antônio estava acompanhado da dona Oroseli de Brites Rosa, sua cunhada. A senhora trouxe o sr. Antônio sem avisá-lo da gravação do vídeo. Ao informar, Antônio foi bem receptivo e disse que queria mesmo ficar junto a família e passou a citar parênteses em Bananeiras (Pb), João Pessoa (Pb), Natal (RN) e até em Minas Gerais.

Dona Rosa citou que o senhor de 88 anos é evangélico da Congregação Cristã do Brasil, “limpinho, trabalhador e muito gente boa”.

Explicou que só não continua cuidando do cunhando devido ao falecimento do esposo recentemente e que tem a mãe, de 95 anos, para cuidar e ainda enfrenta um problema de herança com os filhos do primeiro casamento do seu viúvo, que envolve a casa e o terreno em que mora.

O senhor Antônio morava com a irmã da dona Rosa em uma casa construídas pelo senhor e sua esposa, nos fundos do terreno. Os dois se conheceram em Cuiabá e se mudaram para Mundo Novo. A esposa de Antônio faleceu recentemente, pouco antes da morte do esposo de dona Rosa.

A Semcos (Secretaria Municipal de Comunicação Social) visitou a casa de ambos, no bairro Copagril, na manhã desta sexta-feira (06) e deu a notícia ao sr. Antônio, que emocionado, se mostrou feliz de poder retornar à Paraíba.