#Semcos – Porque o povo tem o direito de saber!
Casos diminuíram com várias ações dos agentes

O coordenador municipal de Endemias, Adair “Magrão”, apontou que o trabalho realizado pelo seu setor vem dando resultados, mas pediu mais apoio da população no combate a dengue. Eliminando focos e tratando a água parada aonde não podem ser retirada, os agentes estão vendo o trabalho resultar em menor número de munícipes que estão procurando a secretaria municipal de Saúde como suspeitos de terem contraído o vírus.

Na noite desta sexta-feira (1º), mais uma vez os agentes vão realizar a pulverização de inseticida, conhecido como “fumacê”. Este serviço está sendo executado entre ás 17h00 e 23h00 e entre ás 4h00 e 7h00 (horário em que o mosquito sai do seu criadouro). Porém, este não é o método ideal para acabar com o Aedes Aegypti e outros mosquitos que carregam vírus perigosos. “A melhor forma de acabar com a dengue é atacando os criadouros, ou seja, limpar o quintal da sua casa e os proprietários fazerem os manejos dos seus terrenos vazios é o melhor caminho”, citou o supervisor Leandro Camargo.

“Magrão” lamentou a falta de colaboração de parcela da população. “Muitos não fazem o manejo necessário na sua casa, jogam lixo, entulhos e galhadas nas ruas e ainda tratam mal os agentes. Precisamos de mais apoio da população”, disse Adair.

#PraCegoVer – Banner de divulgação contra a Dengue.

Texto: Jandaia Caetano
Banner – Semcos